segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Porque você deve apoiar a FURB federal

Josué de Souza

            Desde 2002 que o debate sobre a Federalização da Universidade Regional de Blumenau (FURB) faz parte do dia a dia da nossa cidade.  Creio que é pertinente discorrer aqui um pouco sobre o Projeto de Federalização da nossa Universidade.
            Primeiro é preciso perceber que o projeto busca de incluir a região do Vale do Itajaí na Rede Federal Pública de Educação Superior, por meio de ações que aproximem a Universidade Regional de Blumenau (FURB) e as Universidades Federais e Institutos Federais de Educação Profissional, num contexto de expansão do Ensino Superior federal, promovido pelo governo Federal.
            A inclusão da FURB na Rede Federal Pública de Educação Superior trará para nossa região não somente a gratuidade de mensalidades para os alunos atuais 12 mil estudantes em 39 cursos de graduação 2,5 mil estudantes de pós graduação , distribuídos  em 70 cursos de especialização, além de oito mestrados e um doutorado aprovado pela CAPES, libertando a universidade da lógica perversa da lógica mercantil que transforma a educação em mercadoria.
            Por outro lado, a presença de uma universidade federal em nossa cidade contribuirá também para o desenvolvimento científico e tecnológico da região do Vale do Itajaí. O que com certeza revolucionara de forma positiva a economia de nossa Cidade.
            E o último argumento que quero trazer aqui é o de que o orçamento da FURB gira em torno de R$ 120.000.000 (cento e vinte milhões de reais). Federalizada a FURB, seriam cento e vinte milhões  de verbas do Governo federal investido na região. E o dinheiro das mensalidades que hoje os alunos investem em sua formação poderá ser investido na economia local.

3 comentários:

  1. nunca será federalizada, pois não é financeiramente interessante para o cartel do ensino superiror que existe em blumenau .
    segundo; a ISBLU, quem vai assumir as aposentadorias gordas dos ex professores da furb? O estado?
    terceiro; os projetos encaminhados pela Furb, onde para autorizar sua federalização, ela praticamente estorque o estado, e requer o absurdo: que seus funcionarios municipais tornen-se servidores federais...

    essa historia da Furb ser federalizada só faz por privar blumenau de ensino superior gratuito, não sejam ingenuos...

    ResponderExcluir
  2. Concordo com vc ricafreem que pode haver uma minoria que por interesses financeiros pode não querer a Furb federal, quero crer faculdades privadas não possam ser. Pois essas também serão beneficiadas com a qualidade dos novos profissionais que a Universidade Federal irá formar. For outro lado, a Furb federal, tende a irradiar a qualidade da educação e a criação de outras faculdades. Exemplo disto é Florianópolis. Mas quero lembrar também que conforme plebiscito realizado na região 96,07 disse sim a federalização.
    Sobre os direitos dos funcionários e aposentados da Universidade o comitê pró federalização tem defendido que a FURB, por ser parte integrante da estrutura administrativa do Município de Blumenau (pública e de Direito Público) e em razão dos atuais servidores (professores e técnico-administrativos) manterem vínculos como município de Blumenau, servidores serem cedidos ao Governo Federal (por este meio, integrando os quadros da Universidade Federal de Blumenau), caso a Universidade Regional de Blumenau viesse a ser federalizada. Quero convidar vc para debater esta e outras dúvidas, amanha 25/02/2011 (sexta-feira) entre 16 às 18 horas na Sala C-206 – Campus I FURB na primeira reunião Plenária do Comitê Pró-Federalização da FURB deste ano

    ResponderExcluir